Instituições de apoio a grávidas

ajuda

«Não pararemos enquanto for possível encontrar nas nossas cidades uma mulher que diga: “Eu abortei porque não encontrei quem me ajudasse”»

(Madre Teresa de Calcutá)

-Tornou-se claro que muitas grávidas em dificuldades se sentem de tal forma pressionadas a rejeitar o seu filho que, frequentemente, mesmo não sendo esse o seu desejo, deixam de o trazer à Vida pela situação de desespero, solidão e abandono em que se encontram, ou por mero desconhecimento dos seus direitos e falta de informação em relação aos apoios a que podem recorrer.

AJUDA DE MÃE

A Ajuda de Mãe existe para apoiar as mulheres grávidas e ajudá-las a criar condições para melhor acolherem os seus filhos e para que estas famílias tenham uma vida melhor. É apoiada pela Santa Casa de Misericórdia de Lisboa e tem acordos de parceria com diversas instituições nomeadamente com o Banco Alimentar Contra a Fome, Centros de Saúde e Centros de Emprego.

Tem duas residências para grávidas, sendo que uma se destina exclusivamente a adolescentes.

Tem escola de mães e promove cursos com equivalência escolar obrigatória.

Possui gabinetes de atendimento em zonas de risco de Lisboa e arredores e faz acções de formação em planeamento familiar.

Possui gabinete de psicologia e apoio social.

Criou a empresa AJUDA EM CASA para colocação e apoio de mulheres grávidas que assim trabalham sobre a orientação da Instituição.

Contactos: através dos seguintes números:

SOS Grávida Tel: 808201139 ou 213862020 (Linha telefónica de esclarecimento e encaminhamento sobre gravidez, sexualidade e planeamento familiar). Funciona todos os dias úteis das 10 às 18 horas.

Ajuda de mãe Tel: 213827850 Fax 213827859.

Localização: Rua do Arco do Carvalhão – nº282 1350-026 Lisboa.

Na internet: em http://www.ajudademae.com/ contacto

AJUDA DE BERÇO

A Ajuda de Berço é um centro de acolhimento para bebés dos 0 aos 3 anos de idade em situação de risco ou abandono. Foi fundada em 1998 e começou a receber bebés em Janeiro de 1999. Desde essa altura recebeu cerca de 60 bebés, dos quais 40 foram já entregues novamente às suas famílias biológicas ou a famílias de adopção. A capacidade de alojamento é de 20 bebés, num espaço situado na Quinta da Cabrinha e cedido pela Câmara Municipal de Lisboa. Tem um grupo de cerca de 100 voluntários e 30 funcionários onde se inclui a equipa técnica, educadora, auxiliares de educação, cozinheira e auxiliares de limpeza. Trabalha em articulação directa com o Tribunal de Família e Menores do qual recebe orientação para o encaminhamento das crianças. A S.C.M.L. atribui um subsídio mensal para manutenção do centro e o Banco Alimentar contra a Fome apoia em géneros alimentares. O centro é ainda financiado através de donativos de particulares e das quotas dos seus sócios.

Contacto: Drª Sandra Anastácio
Av. de Ceuta, nº51, r/c, Lisboa – Tel.: 21 362 82 74 / 6
ajudadeberco@mail.telepac.pt

Na net: http://www.ajudadeberco.pt/

S.O.S. VIDA – APOIO À GRÁVIDA

O S.O.S. Vida é uma instituição de apoio a grávidas em situação de risco apoiada pela Diocese do Algarve e pelo seu Bispo, D. António Madureira. Está sediado em Faro, mas trabalha com grávidas de todo o Algarve. Tem um gabinete de atendimento presencial e telefónico, e duas casas onde acolhe grávidas temporariamente (Portimão e Alcantarilha). A terceira casa de acolhimento está em construção. Dá todo o apoio necessário às grávidas, incluindo seguimento médico, ajuda à procura de emprego depois do nascimento do bebé, etc. Surgiu depois do referendo de 1998 e até Abril de 2001 já deu apoio a mais de 130 grávidas que puderam assim ter os seus filhos com as condições necessárias.

Contacto: Pe. Jerónimo Gomes
Rua da Saúde, 4 – 8000 Faro – Tel.: 289 812 812 (24h)

ASSOCIAÇÃO DE DEFESA E APOIO DA VIDA – ADAV

A ADAV-Coimbra nasceu em 1999 e obteve o reconhecimento como IPSS (Instituição Particular de Solidariedade Social) no ano seguinte. Propõe-se colaborar com a família, através do apoio solidário à vida humana, desde a concepção até à morte natural. A ADAV tem âmbito nacional e a sua actividade desenvolve-se em várias direcções, a que tem chamado “Projectos”. O primeiro – o “Projecto Mãe” – gira em torno da grávida, proporcionando-lhe, num trabalho em rede, ajuda eficaz para superar qualquer obstáculo que ameace comprometer o seu direito à maternidade. O “Projecto Mãe” conta já com um centro de atendimento em Coimbra e outro em Leiria. Os centros estão protocolarmente ligados a pessoas ou instituições das áreas da Medicina, Psicologia, Direito, Segurança Social, Emprego, etc. que prestam, a título gratuito, os serviços profissionais em cada caso indispensáveis para o bom êxito do “Projecto”. O “Projecto Avô” – de apoio à terceira idade desamparada – começa agora a desenhar-se. Na escola, o “Projecto Crescer” dirige-se a pais, professores e alunos, num espectro variado de iniciativas: formação contínua de professores, grupos de solidariedade juvenil, sessões de debate construtivo, gabinetes de apoio ao aluno, etc. O “Projecto Opinião” mais não pretende do que contribuir para a formação da opinião pública, numa sociedade livre e plural.

Contacto:

ADAV – Coimbra
Praça 8 de Maio, nº 42, 2º, sala B, 3000-300 Coimbra – Tel.: 239 820 000

ADAV – Leiria

ADAV – Aveiro Apartado 420, 3811-901 AVEIRO adavaveiro@hotmail.com

PONTO DE APOIO À VIDA – PAV

No período da campanha contra a despenalização do aborto, tornou-se claro que muitas grávidas em dificuldades se sentem de tal forma pressionadas a rejeitar o seu filho que, frequentemente, mesmo não sendo esse o seu desejo, deixam de o trazer à Vida pela situação de desespero, solidão e abandono em que se encontram, ou por mero desconhecimento dos seus direitos e falta de informação em relação aos apoios a que podem recorrer.

O PAV é uma Instituição Particular de Solidariedade Social que nasceu exactamente para dar resposta a estas futuras Mães, no sentido de as informar, encaminhar para instituições especializadas ou, simplesmente, ouvir.

Apoiados por uma base de dados com informação sobre as instituições de defesa da vida existentes em Portugal e por uma equipa de voluntários que inclui médicos, advogados, psicólogos, temos vindo a dar apoio a mães e futuras mães. Esse apoio é efectuado através do atendimento telefónico e directo; acompanhamento social e psicológico personalizado; formação e apoio ao nível do planeamento familiar encaminhamento das crianças para creches, ATL’s,…; ; apoio, quando possível, em géneros doados ao PAV. O PAV é financiado pela SCML, pelas quotas dos seus associados e donativos de benfeitores.
Temos uma casa de acolhimento para grávidas e seus filhos em Lisboa e um numero grátis de apoio a grávidas: 800 20 80 90.

Contacto: Dr. Rui Corrêa d’Oliveira
R. Raul Mesnier du Ponsard nº 10, 1750-243 Lisboa – Tel.: 21 758 9818
pavida@sapo.pt

Na net: http://www.apoioavida.pt/

VIDA NORTE

Vida Norte, assim se designa esta associação que promove a vida na zona banhada pelo Douro. Iniciámos os primeiros passos quando foi urgente unir as vozes em torno da Vida. Contudo, essa oportunidade de juntar esforços não terminou com a vitória nesse combate desigual. Logo constatámos que o nosso serviço à vida não só não tinha terminado, mas mal tinha começado. Dirigimos, desde então, os nossos esforços em três frentes: por um lado, para o incremento da formação interna. Precisávamos de robustecer a qualidade dos nossos argumentos, aliando maior rigor técnico e melhor fundamento científico à nossa admiração pela beleza e dignidade da vida humana, mesmo na sua aparência mais débil e desprotegida.

Por outro lado, promovemos acções de formação “externa”, tentando dar resposta aos pedidos das associações de pais, dos professores e dos diversos grupos de jovens que solicitam, frequentemente, a nossa colaboração nas suas actividades.

Realizamos também um programa de rádio – “Portugal pela Vida” – em parceria com a Associação T.P.V. na Rádio Digital de Famalicão. Às quartas feiras as ondas hertzianas falam da Vida.

Uma outra rota que pensamos ser fundamental incrementar está relacionada com o apoio directo a jovens grávidas. Estamos a desenvolver casuísticas para poder dar uma resposta cada vez mais efectiva a estes pedidos, disponibilizando apoio médico, psicológico, jurídico e laboral.

Por último, procurámos intervir construtivamente no debate político sobre as questões “vitais” da nossa sociedade – as que implicam formidáveis desafios à dignidade da pessoa humana, à sua própria humanidade – no espírito de uma verdadeira participação cívica, através de acções de esclarecimento e informação junto das Comissões Parlamentares, despertando as energias e capacidades de iniciativa social latentes na sociedade.

Este é o Vida Norte…

Contactos:
Ana Maria Carvalho

R. Alberto Aires Gouveia, nº 5 – 1º

4050-023 Porto

Telef: 22 606 30 46; Fax: 22 606 30 06. Telemóveis: 91 763 89 70; 93 429 43 39; 96 607 54 05.

vidanorte@oninet.pt

Na net: http://www.vidanorte.org/

ATPV – TUDO PELA VIDA

A Associação Tudo pela Vida foi constituida em Famalicão em 17 de Fevereiro de 1999 tendo como objecto a Defesa da Vida Humana e da sua Dignidade. No dia 8 de Março de 1999 (Dia Mundial da Mulher) foi inaugurado o Centro de Apoio à Vida e foi criada a Linha ATPV (linha telefónica).Já em 2001, também no dia Mundial da Mulher foi lançada a inaugurada a Escola de Educadores. Desde a sua constituição a ATPV já desenvolveu as seguintes actividades:

- Centro de Apoio à Vida:
- Consultório médico,
- Consultório jurídico,
- Linha Telefónica de Atendimento
- Divulgação do Centro de Apoio à Vida nos Jornais Regionais.
Acções de formação:
- Formação, interna, de Voluntários
- Organização em parceria com o “Norte Família e Vida” de Seminário “Educar na Cidadania”,
- Participação em Colóquios no Norte do País,
- Abertura da “Escola de Educadores – Tudo Pela Vida”.
Acções de informação:
Criação em parceria com o “Vida Norte” de um programa radiofónico “Portugal Pela Vida” de difusão semanal na Rádio Digital FM de V. N. de Famalicão, onde são debatidos temas relacionados com a Vida, sua Dignidade e com Família. Mensalmente são convidadas personalidades. Este programa tem a duração de 2h00 sendo a primeira de explanação e a segunda de debate com a linha telefónica aberta a participações do exterior.

Contacto: Arq. António Meireles
R. Ernesto Carvalho, Edifício Roma, loja 5, 4760 Vila Nova de Famalicão – Tel.: 96 479 3500
tudo.pela.vida@clix.pt


VIDA SIM

O grupo Vida Sim de Sintra começou por dedicar-se ao apoio à maternidade. Tem uma linha telefónica com atendimento permanente para contacto de grávidas ou mães em situação de risco. Dá apoio psicológico, legal, procura de emprego, acolhimento, etc. Promoveu a edição dum cartaz com contactos telefónicos de apoio a grávidas que distribuiu por todo o país. Recentemente começou a trabalhar na formação na área da sexualidade humana, sobretudo de jovens.

Contacto: Drª Rosário Marques
Apartado 156, 2710-999 Sintra vidasim@mail.telepac.pt

CENTRO DE MÃE

Avenida Luís de Camões
Bairro do Hospital Bl. 14 1ºE
9000-134 FUNCHAL

Telefone: 291 224 074
Telemóvel: 962 097 568
Fax: 291 225 975
E-mail: geral@centrodamae.pt
Site: www.centrodamae.pt

O Centro da Mãe é uma Instituição de solidariedade Social que dá
apoio a grávidas e jovens mães e seus filhos em situação de
risco.

GABINETE DE APOIO À GRÁVIDA

Na Guarda está a funcionar o “Gabinete de Apoio à Grávida” por iniciativa conjunta da delegação regional da Associação Católica dos Enfermeiros e Profissionais de Saúde (ACEPS) e do Centro de Saúde local. O gabinete tem por objectivo apoiar as grávidas em risco, nos campos da saúde, social e psicológico. A enfermeira responsável tem formação na área da obstetrícia e mediante os casos que vão aparecendo faz uma avaliação e depois encaminha-os para os sectores onde se enquadram e onde será prestado o apoio necessário.

Contacto: Enfermeira Emília Ramos
Tel.: 271 200800

FUNDAÇÃO FAMÍLIA E SOCIEDADE

A Fundação Família e Sociedade é uma instituição sem carácter lucrativo, com fins humanitários, sociais, culturais, científicos e educacionais, no âmbito do apoio à pessoa, à família e à saúde.

Assim, esta Fundação tem vindo a desenvolver dentro do âmbito da consecução dos seus fins, actividades nos domínios da Educação Sexual, da Bioética, do aconselhamento e planeamento familiar natural e na criação e desenvolvimento de um Centro de Documentação e Biblioteca nas áreas atrás referidas para consulta de todos os interessados. Entre as actividades desenvolvidas são de destacar diversos cursos de métodos naturais de planeamento familiar para casais, umas Jornadas sobre o mesmo tema, e diversas acções de formação na área da sexualidade em escolas. Em Setembro de 2001 realizou em Lisboa a primeira acção de formação de professores do programa Teen STAR – Sexuality Teaching in the context of Adult Responsibility, tendo contado com a presença de 150 participantes. Está neste momento a realizar os primeiros 25 cursos de educação sexual em escolas nacionais.

Contacto: Drª Ana Isabel Lynce
R. Viriato, 23 – 6º Dtº. Lisboa – Tel.: 21 315 2657
familia.sociedade@netc.pt

ASSOCIAÇÃO VIDA UNIVERSITÁRIA

A Associação Vida Universitária é uma associação de voluntários de acção social composta na sua maioria por estudantes universitários. Alguns dos seus objectivos são: voluntariado em associações de apoio concreto a grávidas em dificuldade e às crianças em situação de risco; contribuir para a formação, tanto intelectual como humana, na defesa da dignidade e da vida do Ser Humano desde o momento da concepção até à morte natural; dar a conhecer no meio universitário as Instituições de Solidariedade Social que possam ajudar em situações de necessidade, principalmente dos/das estudantes universitários/as. Estão a ser criados núcleos em diversas faculdades.

Contacto: Inês Avelar
Tel.: 918 192 968
vidau@mail.pt
http://www.vidauniversitaria.home.sapo.pt/

VINHA DE RAQUEL

A Síndrome Pós-Aborto afecta uma percentagem elevada das mulheres que a ele se sujeitam. Os seus efeitos são devastadores: depressão, tentativas de suicídio, ansiedade, pânico, pesadelos… Tendo em conta que essa doença já afecta muita gente em Portugal, o Serviço de Defesa da Vida do Patriarcado de Lisboa trouxe para Portugal o retiro da “Vinha de Raquel”. O retiro, “uma jornada psicológica e espiritual para a cura do trauma pós-aborto”, foi desenvolvido pela Prof. Drª. Theresa Karminski Burke e por Barbara Cullen. A Drª Theresa Burke, doutorada em aconselhamento psicológico, é a fundadora do “Center for Post Abortion Healing” (Centro de Cura Pós-aborto) e especialista em problemas de mulheres, gestão da culpa, abuso sexual, ansiedade, desordens alimentares, e aborto. O primeiro retiro em Portugal decorreu no passado mês de Outubro. O movimento “Mulheres em Acção” é responsável por um projecto relacionado, o “Projecto Raquel”. Este visa acompanhar individualmente mulheres afectadas por essa síndrome. Tem uma equipe de psicólogos e psiquiatras que realizam essa tarefa.

Contacto: Drª Ana Barquinha

vinhaderaquel@email.com

www.rachelsvineyard.org

Outras instituições