Reflexões e opiniões

Um conjunto de textos com profundas reflexões sobre o aborto provocado, que não pode ser nunca um assunto superficial para encarar com ligeireza. É preciso reflectir, aprofundar.


Parabéns a si, leitor, por estar vivo…

Parabéns a si, leitor, por estar vivo…

” Bem-vindo. E parabéns. Ainda bem que chegou até aqui. (…) Em primeiro lugar, para que o leitor esteja aqui agora, foi preciso que triliões de átomos errantes tenham conseguido juntar-se, numa dança misteriosamente coordenada, de forma a criá-lo a si. Trata-se de uma combinação tão única e especializada que nunca foi feita antes e só vai existir desta vez. Durante muitos anos futuros (esperemos), estas partículas minúsculas irão dedicar-se sem qualquer queixume aos biliões de hábeis e articulados esforços necessários para o manter intacto e deixá-lo desfrutar da experiência supremamente agradável, mas geralmente subestimada, a que chamamos existência. “

Ler o texto completo
Aborto: há uma terceira pessoa

Aborto: há uma terceira pessoa

  A pior verdade só custa um grande desgosto. A menor mentira custa muitos desgostos pequenos E no fim um desgosto grande. (Jacinto Benavente) A um passo de algo que parece importante Quando Macbeth repara em que não há nenhum obstáculo entre si e a coroa da...
Ler o texto completo
Conformismo e maturidade moral

Conformismo e maturidade moral

O conformismo é uma característica marcante de todos nós que vivemos em grupo e que tendemos a comportarmo-nos e a pensar de acordo com as tendências dominantes do grupo em que nos integramos. A pressão do grupo é fortíssima e praticamente irresistível. O mesmo acontece com os líderes naturais ou fabricados, que detêm influência e poder, sejam eles artistas, filósofos, políticos ou santos, os quais conformam as tendências dominantes dos grupos.

Ler o texto completo
Fernando Pessoa e o mistério da vida

Fernando Pessoa e o mistério da vida

Não mates nem estragues, porque, como não sabes o que é a vida, excepto que é um mistério, não sabes que fazes matando ou estragando, nem que forças desencadeias sobre ti mesmo se estragares ou matares.

(Fernando Pessoa)

Ler o texto completo
Aborto: Pelos direitos das mulheres

Aborto: Pelos direitos das mulheres

Por favor, não tentem enganar-nos. A defesa da liberalização do aborto não tem nada a ver com a defesa dos direitos das mulheres. A defesa dos direitos de uma mulher grávida em dificuldades não tem a ver com a tentativa de a convencerem de que a destruição do seu filho pode ser solução. A defesa dos direitos de uma mulher grávida tem a ver, isso sim, com a apresentação de alternativas que lhe permitam viver bem consigo própria. Essas alternativas – o apoio a futuras mães em dificuldades – já existem e só esperam que para lá continue a dirigir-se quem precisar.

Ler o texto completo