Pessoas e casos

Um conjunto de textos em que pessoas envolvidas de algum modo em casos de aborto voluntário contam a sua experiência: Bernard Nathanson, Franco Zeffirelli, Sandra Cano e várias outras pessoas não famosas.


Aborto: Alicia

Aborto: Alicia

A médica que me atendeu foi quem me deu a noticia da minha gravidez. Fiquei gelada… Nesse momento, a última coisa que desejava ouvir era precisamente o que estava a ouvir.

Muito “compreensiva”, a médica, vendo que eu não conseguia parar de chorar perguntou-me: Que pensas fazer? Queres ter a criança?…

Que pergunta! Era óbvio que nessa situação não a queria ter. Disse-lhe que não, e ela disse-me que aqui no México o aborto era ilegal, mas que podia marcar-me uma consulta numa clínica nos Estados Unidos onde o podiam fazer.

Ler o texto completo
A mulher descalça

A mulher descalça

Entrou no palco vestida com um elegante fato preto, de calça e casaco de manga comprida, sapato de salto alto e um sorriso enorme nos lábios. As mangas vazias do casaco balouçavam enquanto ela caminhava em direcção à mesa, disposta a proferir a sua singular conferência.

Sentou-se, tirou os sapatos e colocou os dois pés em cima da mesa para ajustar habilmente o microfone, que estava colocado um pouco mais acima do que ela precisava. E afirmou: “Não sou tão alta como pareço. Permitam-me ajustar isto”. A partir daquele momento, e durante as duas horas seguintes, Adriana Macías Hernández permaneceu descalça.

Adriana é uma mulher jovem, com 25 anos, que nasceu sem braços. É a mais nova de duas irmãs e uma brilhante advogada e directora de uma empresa de liderança.

Ler o texto completo