Consequências físicas

Um conjunto de textos que analisam as consequências que o aborto voluntário tem no corpo da mulher que abortou.


Relação entre aborto e cancro da mama

Relação entre aborto e cancro da mama

Em 1970, a Organização Mundial de Saúde – World Health Organization (W.H.O.) – publicou os resultados da sua investigação sobre a experiência reprodutiva em relação à incidência do cancro da mama. O estudo, no qual tomaram parte mais de 17 mil mulheres em sete lugares...
Ler o texto completo
Investigação sólida Aborto cancro da mama

Investigação sólida Aborto cancro da mama

Quando em 1993 ouvi falar pela primeira vez da relação entre aborto [provocado] e cancro da mama julguei que se tratava de uma fantasia pró-vida. “Estão loucos”, foi o meu juízo imediato. Apesar disso comecei a questionar as minhas pacientes com cancro da mama sobre as suas gravidezes e a sua trajectória. Os resultados surpreenderam-me.

Ler o texto completo
Aborto e placenta prévia

Aborto e placenta prévia

O resultado de um aborto pode reflectir-se numa gravidez futura. O aborto aumenta entre sete a quinze vezes o risco de placenta prévia (quando a placenta se instalada próxima do colo do útero, uma condição clínica que coloca em risco a vida da mãe e do feto “desejado”) durante estados mais avançados de gravidez (1). O desenvolvimento anormal da placenta devido a danos uterinos causados por um aborto induzido aumenta o risco numa gravidez futura de má formação fetal, morte perinatal [ que se produz na proximidade do nascimento; o período perinatal está compreendido entre as ultimas semanas da gestação e os 10 dias seguintes ao nascimento ], e sangramento excessivo durante o parto.

Ler o texto completo
Aborto e infecções

Aborto e infecções

A infecção do trato genital é uma complicação que surge com frequência após um aborto induzido. Uma outra complicação que pode levar à morte da mulher é a formação de um abcesso pélvico, que resulta quase sempre de uma perfuração do útero ou, em alguns casos, também dos intestinos.

Ler o texto completo
Aborto e endometrite

Aborto e endometrite

A endometrite (inflamação ou irritação do endométrio) é um risco pós-aborto para todas as mulheres, especialmente para as adolescentes, que têm 2,5 vezes mais probabilidade do que mulheres entre os 20 e 29 anos de contrair esta condição após um aborto.

Ler o texto completo